Valorização do PM

Um estudo realizado pelo IPEA mostra que 96% dos policiais brasileiros se aposentam antes dos 50 anos. Muitos deles contra sua própria vontade, cumprindo a legislação que determina aposentadoria com 30 anos de serviço. Hoje, o sistema empurra para fora. Por isso, Merisio está propondo na Assembleia Legislativa o PLC 25.5/2016, que busca permitir que os policiais que tenham vontade de continuar trabalhando possam ganhar até duas promoções por continuar na ativa. Abre a opção para duas alternativas: a aposentadoria já garantida hoje, com uma promoção salarial; ou a permanência valorizada por toda a experiência e vontade de contribuir com a missão policial de proteção da sociedade, com duas promoções.