Redução no número de terceirizados na ALESC

Merisio acordou com Ministério Público, em abril de 2015, a redução gradual do número de terceirizados trabalhando na Assembleia Legislativa. Pelo acordo, quando um empregado for demitido ou sair de forma voluntária, a vaga não será mais preenchida.