Devolução de PMs da ativa à Corporação

Em 2015, Merisio deu um primeiro passo para aumentar o número de policiais nas ruas. Em uma ação inédita, devolveu 37 policiais da ativa que trabalhavam na guarda da Assembleia para o efetivo da Polícia Militar. Desde então, apenas 10 policiais militares da ativa compõe a Casa Militar da ALESC – uma imposição legal – e a equipe está complementada por policiais inativos, que agora podem trabalhar novamente.