Oeste catarinense abraça a coligação “Aqui é Trabalho”

Cerca de 500 pessoas lotaram o Clube Industrial, em Chapecó, na noite de sexta-feira (17), para o primeiro encontro da coligação “Aqui é Trabalho” na região do candidato a governador Gelson Merisio (PSD), o Oeste do Estado. Foi mais um grande encontro, após mobilizações realizadas em Criciúma e Lages com sucesso. Mais uma vez, acompanharam todas as agendas o candidato a vice-governador, João Paulo KleinÜbing (DEM), e os candidatos ao Senado, Raimundo Colombo (PSD) e Esperidião Amin (PP), além da presença do deputado federal João Rodrigues (PSD).

“Nessa primeira semana de campanha, nós quatro temos andado sempre juntos, mostrando como estamos unidos desse lado do rio, deixando claro onde estão nossos adversários, lá na outra margem”, disse Merisio. O candidato destacou ainda porque acredita que a coligação precisa vencer a eleição neste ano: “Bastou o PMDB assumir, com sete meses de mandato, e já atrasaram o décimo terceiro. Deram o cartão de visita do que será o governo se assumirem no ano que vem.”

“Quero aqui reconhecer a tua obstinação, a tua coragem nessa trajetória. E é de coragem que Santa Catarina precisa nesse exato momento. Nosso Estado tem na força da sua gente a sua maior vantagem, e você é um grande catarinense, Merisio”, afirmou João Paulo Kleinübing, no palco lotado de prefeitos e candidatos a deputado estadual e deputado federal.

O encontro em Chapecó teve um elemento a mais. A presença do deputado federal João Rodrigues também mobilizou a militância e foi destaque na reunião dos partidos da coligação. “Vamos ter um candidato do Oeste. E é a primeira vez que é alguém do nosso grupo. Será extremamente importante termos alguém com origem na nossa região no Governo do Estado”, afirmou João Rodrigues, em seu primeiro encontro político desde que voltou a Chapecó.

Dupla do Senado entrosada

A aliança liderada por Gelson Merisio conseguiu montar um time com experiência e muitos serviços prestados para a disputa ao Senado. E eles têm mostrado que trabalham em dobradinha. “O que fizerem por mim, façam também pelo Esperidião. Chegaremos muito mais fortes se tivermos o mesmo número de votos na eleição”, disse Raimundo Colombo.

Liderança do Partido Progressista e um dos mais lembrados políticos catarinenses, Esperidião Amin (PP) falou da lição que aprendeu na região e que se enquadra muito bem no momento atual do cenário político. “O Oeste me ensinou a dar chance a quem não tinha chance ainda. Quero compartilhar um sentimento. Não adianta uma vitória isolada quando a causa é grande e exige solidariedade e parceria”, disse Amin.

Foto de Luis Debiasi

Foto de Luis Debiasi

Foto de Luis Debiasi