Merisio propõe mais diálogo com setor pesqueiro e nova ligação entre Penha, Navegantes e Itajaí

Candidato a governador apresentou suas propostas durante visita à região na segunda-feira (3)

Instituir uma câmara permanente para debater as demandas e os projetos em prol do desenvolvimento da pesca em Santa Catarina e trabalhar para concretizar a nova ligação entre os municípios de Penha, Navegantes e Itajaí.

Estes foram alguns dos compromissos assumidos pelo candidato ao governo pela coligação “Aqui é Trabalho”, Gelson Merisio (PSD), durante passagem pelo Litoral Centro-Norte do Estado na segunda-feira (3). Acompanhado dos candidatos ao Senado Esperidião Amin (PP)  e Raimundo Colombo (PSD), Merisio iniciou a agenda em reunião no Sindicato dos Armadores e das Indústrias de Pesca de Itajaí e Região (SINDIPI). No encontro, o candidato ouviu as principais demandas do setor e se comprometeu a manter diálogo continuo com os pescadores.

“A proposta que eu faço é que, a partir de janeiro, caso os eleitores entendam que eu deva assumir o Governo do Estado, possamos sentar e construir um processo de participação, criar uma câmara para discutirmos as questões ambientais e de infraestrutura e fazermos uma ponte com Brasília, com nossos senadores e deputados federais, para buscar soluções”, afirmou Merisio. De acordo com o candidato, a participação do setor no Governo do Estado se dará por meio de representantes do setor, sem qualquer tipo de indicação política.

Foto de Marcus Quint

Desenvolvimento turístico

Em encontro na Casa do Idoso Benta da Silva Palumbo, em Navegantes, Gelson Merisio e os companheiros de chapa conversaram com a comunidade e representantes da Associação Comercial e Industrial local.

Entre as principais reivindicações entregues ao candidato estão a revitalização da orla da Praia do Gravatá, a construção do binário do aeroporto e melhorias no hospital municipal. Merisio lembrou que esteve várias vezes em Navegantes quando ocupou a presidência da Facisc e conhece as demandas da cidade e da região. Ao receber o documento da associação, o candidato destacou aquela que considera uma prioridade não apenas para o Litoral Norte, mas para Santa Catarina.

“A partir de janeiro, a prioridade em termos de investimento no desenvolvimento turístico do Estado será a travessia de Penha, Navegantes e Itajaí para que nós tenhamos uma integração efetiva, gerando desenvolvimento autossustentável. Essa é a obra mais importante em termos de infraestrutura turística de Santa Catarina, porque não se trata de uma ligação entre Navegantes e Itajaí, mas sim a integração de uma região que é referência turística no Estado”, completou.